Páginas

Minhas Aventuras

"After climbing a great hill, one only finds there are many more hills to climb"
Nelson Mandela

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Call me Maybe?

Queridos amigos legionários,

Desejo a todos nós um natal muito especial, cheio de encontros e bons momentos.

Que possamos hoje refletir em boas memórias e grandes lições (muitas delas vividas juntas!).

2012 marcou a minha vida. Pessoas novas surgiram no pedaço (vocês!), muitas viagens marcantes, como o Caminho de Santiago de Compostela, provas inesquecíveis, como a Brasil Ride e por aí vai.

Foram diversos tombos também, mas com a companhia de vocês foi muito mais fácil superar cada um deles!

Para comemorar nossa amizade e fechar o ano no melhor astral, me propuz a fazer o nosso clipe, que finalmente está pronto!!!

Espero que gostem!! E aproveito pra lembrar que agora não tem volta! E que ninguém foi pressionado a fazer nada!! rsrsrsrs

Então... é com imensa ansiedade e prazer que apresento a vocês uma realização Baby Whitch (eu), uma idéia de Flavinha Dall Acqua, com apoio Adri Nascimeto, participação especial do Waltinho e uma produção 100% LEGIONÁRIA:



CALL ME MAYBE - A NOSSA VERSÃO!
ENJOY :) 

obs: talvez não pra ver pelo celular pq para ficar bom tive que subir em alta qualidade no youtube.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Mountain Essence

Recebi esse vídeo hoje da minha treinadora.
A dica é analisar a postura dos bikers, posição dos braços, quadril, entrada nas curvas...
Mas o vídeo nos presenteia com muito mais:

Mountain Essence
You spend hours thinking, designing, questioning.
All so you can spend a few seconds lost in one moment.
No time to think, just reaction. 
FOCUS. 
All the worry and the want washed away by the rush. 
When it comes to trails,
When the builder puts down the shovel and picks up the bike, 
When creation overrides destruction, 
Well that’s LIVING.



Viver é agir, andar, seguir focado.
Saber o que acontece ao redor, mas sem se distrair.
Quanto mais rápido, maior equilíbrio, mais longe temos que olhar, maior a fruição, o prazer...

Nesse final de semana faremos um training camp só de mulheres com o objetivo específico de trabalhar nossos medos e receios, de superar o que nos bloqueia em obstáculos e percursos técnicos.

Sabemos pilotar a bike, mas ainda não sabemos pilotar o pensamento para o pedal fluir na trilha.

Esse é o desafio dos próximos dias. Pura terapia! Quase magia.

Semana que vem conto como foi.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Legionárias Adri Nascimento no Tour de los Andes [o próximo desafio]

Vou dar 4 motivos para vocês participarem com a gente do nosso próximo desafio, o Tour de Los Andes em Bariloche - Patagonia Argentina.

Anotem na agenda, reservem suas passagens e comecem seus treinos!

1) Eu - Legionária Vivi e minha treinadora Adri Nascimento [dispensa apresentações] vamos formar uma dupla e competir juntas nessa prova :-)


2) Essa aventura vai ser maravilhosa, dura e cheia de boas companhias.


3) É pertinho de casa...


 4) É uma ótima desculpa pra fugir da fanfarrice carnavalesca.

E aí, deu pra convencer?
Se eu fosse você, não perdia não...

Apoiadores: Tour de los Andes, Kailash, GU, Caçula de Pneus, Gorgeous Eventos.

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Suplementação

Ontem um leitor entrou em contato comigo, o Diego Bastos do blog Gira Pedal e perguntou sobre minha suplementação: "Queria umas dicas sua sobre suplementos, sei que isso é bem particular, mas que tipo de suplemento você costuma usar nas provras de maratona para evitar cãibras e fadiga? E conhece algum fora a cafeina para dar um animo nos treinamentos ?" 

Achei então que, em vez de responder a ele, poderia fazer um post sobre o assunto, dividir o que eu costumo usar em treinos e provas com todos vocês.

Primeiro queria ressaltar a importância do nutricionista da vida do atleta e do praticante de atividade física. A consciência alimentar é fundamental e apenas o profissional de saúde pode te ajudar com isso. 

Não pense que você vai virar um entendedor no assunto apenas através de dicas de amigos e internet. Cada um é um e o nutricionista vai saber cuidar de você e de suas necessidades particulares. [Já escrevi sobre esse tema na minha coluna no Armário Feminino, AQUI]

Tenho duas pessoas que cuidam de mim. A Nutricionista Dafne Oliveira que foi minha nutri na "iniciação" ao treinamento mais intenso focando na alimentação funcional e cura das minhas alergias [adeus rinite, grastrite, dermatite, etc.. Weeee] e atualmente estou com a Patrícia Bertolucci que também é biker e conhece de perto minha situação nas competições e treinos (além de ser uma das nutricionistas esportivas mais reconhecidas do Brasil e ser uma crânia que não para de estudar!).

Mas vamos lá, nos treinos semanais que não passam de 2hs eu uso apenas um isotônico com um teor de carboidrado. Meu preferido é o GU BREW que já vem em sachês e é perfeito. 

Também dá pra comprar o pote, mas gosto do sachê que dá pra carregar e repor na caramanhola durante treinos e provas, bem prático.


Se o treino for de força, levo um GU Gel ou balinhas da Stinger comigo.

Para treinos e/ou provas mais longas, a partir da terceira hora gosto do Perpetuem da Hammer, faço uma pasta (na embalagem eles explicam como fazer) e coloco na bisnaguinha, assim consigo carregá-lo pronto sem ter que parar para colocar o pó na caramalhola e misturar com água [e assim ter que beber uma caramanhola inteira mesmo sem querer]. 

Dependendo do sabor, o Perpetuem tem cafeína, que é super bem vinda em provas longas, mas não é fundamental.

Quando comecei a pedalar eu tomava cafeína antes da prova achando que isso ia ajudar, mas logo percebi que a verdadeira força é a nossa cabeça. Se quer dar uma acordada, tome um cafezinho no café da manhã, muito melhor!

Quanto a fadiga, a melhor forma de evitá-la é conhecendo seu limite, respeitando-o e sabendo qual alimento desce melhor durante o esforço extremo. Além, é claro, de seguir as orientações da nutricionista em relação aos horários de "abastecimento" (pra mim: 1ª hora água, 2ª hora carbo e 3ª hora carbo+whey - depois repete o ciclo).

Eu, por exemplo, sei que comida durante prova não cai bem pra mim. Mas isso também é momentâneo, conforme o metabolismo acostuma a essas situações estremas ele passa a aceitar novidades. Talvez um dia um sanduichinho ou bolacha desça durante uma prova, mas na Brasil Ride eu preferi ficar apenas nos suplementos (GU Brew, GU Gel, Stinger e Perpetuem). Ah, e Coca-Cola nos apoios, foi importantíssimo! rs

Quanto à cãibra, acredito que o melhor remédio é treinar!!! Faça os exercícios de complementação à bike, de preferência funcional com um profissional especializado. Fique forte! E cuide de sua recuperação. Alongamento e massagem quando necessário.

O "rolinho" e o "stick" são fundamentais, seria ideal se todo atleta tivesse um e usasse todo dia.

Achei AQUI um post num blog que fala sobre esse tipo de massagem (que na verdade se chama liberação miofascial).

Seguindo à risca esses cuidados que estou dividindo, só tive um princípio de cãibra uma vez, foi no Big Biker de Sto Antônio após a trilha do Zig-Zag em Campos - depois de descer na isometria, vinha uma subida bem dura. Mas ela só ameaçou e não apareceu.

Fora isso tive cãibra nos pés outro dia dançando de salto alto num casamento. Fazia uns 3 anos que não usava um salto tão alto... não tenho treinado pra isso =p

Certo? Espero que se identifiquem e que ajude a encontrarem boas maneiras de estar no esporte.

Lembrando que não há corta-caminho para o bom resultado (aquele que é consistente, ético e verdadeiro), tem que treinar, treinar e treinar.

Brasil Ride - tudo preparado á noite para a etapa do dia seguinte

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Adventure Camp Praia da Baleia - Fechando o ano com chave de ouro

A idéia de fazer um quarteto feminino dentro da assessoria Adri Nascimento não era nova.

Durante esse ano foram diversos training camps, pelo menos um por mês, nos quais tivemos a oportunidade de passar muito tempo juntas e estender nossos vínculos para além dos treinos.

Eu e a Dri temos uma boa experiência com corridas de aventura (ela obviamente muito mais do que eu que nunca fiz uma prova de expedição) e a 3ª etapa do Adventure Camp 2012 na Praia da Baleia (São Sebastião) caiu como uma luva!

Recrutamos mais duas legionárias brutas para o time, a Grazi e a Carlinha e fechamos o desafio, apoiadas pela KAILASH.

Seria a minha oportunidade de colocar em prática o curso de navegação que fiz em Julho com o Rafael Campos e testar minhas habilidades.

Contamos também com o apoio do Xuxa que deixou eu levar tudo que queria do baú de equipamentos dele. Tenho certeza que do fundo daquele caixão sai um túnel que leva até a China. Haja tralha! E tudo em dobro! Ou triplo. Achei 4 kits prontos de primeiros socorros! Tipo.. PERFEITO! E quem tem 4 apitos? Ele tem!

Enfim, sábado foi aquela correria, retira kit, leva bike pro AT, resolve imprevistos, vai pro briefing, prepara mapa, janta e.. ufa, se tiver tudo pronto pode ir dormir!

Preparando o mapa

Trabalho em equipe!
A largada da prova foi num bom horário: 9hs. Daria tempo de se arrumar com calma e curtir o dia que estava começando.

Para nossa alegria 2 legionários agregaram nosso time, que já contava com um integrante visita, nosso super camera-men (e responsável por estas fotos!) Duane.

Quem chegou foi o Arthur e o Paulo, nosso apoio moral, para deixar tudo ainda muito mais legal!

Equipe com o Paulo
Carregando a teacher!
Mostrei o mapa e expliquei a eles onde poderiam ir para nos ver passar.


Concentração/tensão pré largada - 6km de duck!
A única tensão era com a parte de remo. A prova largava com 6km de canoagem em duck e esse não é nosso ponto forte (foi minha segunda "remada" no ano)! Bem que podia ser pedalinho... rs. Eu ia fazer o leme com a Dri e a Carlinha com a Grazi.


Mas para nossa surpresa deu tudo certo! Sem nunca ter feito leme eu consegui pegar o jeito e a Dri arrasou no ritmo, fomos muito bem. As meninas também se viraram direitinho, mandaram bem e deu tudo certo.

Seguimos para o trekking primeiro em costeira (show!) e depois morro acima. Tudo muito bonito. O rumo era nossas bikes (isso motiva qualquer biker!).

Área de transição - trekking - bikes
Aí começou a nossa alegria. O trecho de bike foi uma super diversão pra gente. Formamos um pelotãozinho e fomos num bom ritmo.

Nesse momento passamos algumas equipes, principalmente num trecho de single track (yes!). Foi um trecho delicioso, deu vontade de voltar lá pra pedalar mais por essas trilhas.

Fechamos a prova com 5h40min, sorriso no rosto e sensação de missão cumprida! Sem problemas de navegação (a Dri tb tinha um mapa e me ajudou muito) e sem nenhuma ocorrência, deu td certo!

Nossa equipe Gorgeous de apoio moral estava lá para nos receber!

Equipe com os nossos meninos-apoio GORGEOUS!

Foi um domingo delicioso, para fechar o ano de competições com chave de ouro e deixar a gente com "gostinho de quero mais" pra ir com tudo em 2013!


Valeu turma, o fds foi sensacional! As meninas arrasaram!
E Dri, é uma honra fazer parte do seu time! Obrigada por tudo!!!

Obrigada especial à KAILASH e aos apoiadores GU / Honey Stinger, Gorgeous Eventos e Caçula de Pneus.

Vem 2013, vem! :-)